Assembleia Legislativa emite notas de pesar pelo falecimento do jornalista Roberto Fernandes

Nota de Pesar da Presidência da ALEMA

Com imenso pesar, a Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão lamenta o falecimento do jornalista Roberto Fernandes, aos 61 anos, ocorrido nesta terça-feira (21), deixando uma grande lacuna na imprensa e no esporte maranhense.

Natural de Vitória de Santo Antão (PE), Roberto era formado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Exerceu como muita competência seu ofício, com passagens pela Rádio São Luís AM, TV Brasil e Rádio Educadora AM. Foi, ainda, presidente do time de futebol maranhense Moto Club.

Há 20 anos, comandava o programa Ponto Final, na Rádio Mirante AM, além de ser apresentador do quadro de política do Bom Dia Mirante.

Neste momento de tristeza, a Assembleia Legislativa solidariza-se com familiares, amigos e colegas de trabalho de Roberto Fernandes, rogando a Deus o consolo para superar a dor desta grande perda.

Deputado Othelino Neto
Presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão

Nota de Pesar – Diretoria de Comunicação

A Diretoria de Comunicação da Assembleia Legislativa do Maranhão manifesta seu mais profundo pesar pelo falecimento do jornalista e radialista Roberto Fernandes, confirmado na noite desta terça (21).

Roberto comandava há 20 anos o consagrado programa “Ponto Final”, na Rádio Mirante AM, além de ser apresentador do quadro de política do telejornal Bom Dia Mirante. Durante a sua trajetória, também passou pela Rádio São Luís AM, TV Brasil e Rádio Educadora AM. Foi, ainda, presidente do Moto Club e um grande colaborador e defensor do esporte no nosso estado.

Profissional respeitado, que exercia o jornalismo com responsabilidade e decência, Roberto nos deixa um grande legado.

Neste momento de dor, oferecemos nossas condolências aos seus familiares, colegas do Sistema Mirante de Comunicação e demais amigos, ratificando nossos votos de pesar pela grande perda.

Edwin Jinkings
Diretor de Comunicação da
Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*